À Deriva #26 – O Pedido de Natal

No Barquinho dezembro 25, 2015 2

– Papai noé, os meninos me contaram, lá na escola donde eu vo, que o senho atendo os pididos dos ricos, dos pobres, dos oprimidos, mandado por nosso Senhor. Me contaram inté, que é só ponha capim debaixo da cama e dormir pra esperar. Mas óia papai noé, pra começa, nem cama eu tenho pra eu drumi, eu tenho é uma esteira véia, remendada, que dá pena inté de oiá. Brinquedo intão nem é bom falar. Trem de ferro aeroplaninho, sordadinho eu só conheço de nome, só de ouvir as outra crianças conta. Que vale que o pai falou que a inveja num tem valor para um caboclo lutado, mas eu te juro papai noé, quando eu escuto uma criança do meu bairro comenta, eu sinto que o micróbio da inveja começa logo a me ataca.

– Oia papai noel, pru senhô eu não tenho nenhum segredo, inté hoje eu só tive dois brinquedo. Primeiro eu tive um potranco que era tudinho banco e bonito como oquê mas dispois os negócio do pai pioro e nós tivemo que vender. Despois me deram o Pinhão esse cachorrinho bão que me ajuda a divertir nas aguas do ribeirão, nadando daqui pra li. Ah papai noé, ocê tem que vê, quando eu dou um merguião custando pra aparecer há de ver que o danado do vira lata garra a latir latir, pensando que eu vou morre.

– Mas olha papai noé, já que nóis tamo proseando, já que a gente está conversando, o meu pedido eu vou fazer. Faz a minha mãe levanta, faiz dois ano que a coitada garrou a tossir tossir, num esforço danado lá na cama pra mó de resistir. Se o Senhor me atender eu podia inté lhe entregar o meu único amigo bão, o meu cachorrinho pinhão, que eu quero que nem um irmão e que eu custei tanto pra ganha. Mas o senhor pode ficar com ele, pode até fazer presente pra outra criança que o senhor quiser dar. Eu te prometo ficar contente mesmo com vontade de chora.
Mas papai noé, não esquece esse meu pedido, quando agora chegar o natar, por favor, faz a minha mãezinha sarar

__________________________________________________________
TextoPedido do Caipirinha”: Chico Gabriel
Edição e masterização: Chico Gabriel
Arte da vitrine: Chico Gabriel

Tem um texto para o À Deriva? Envie para aderiva@nobarquinho.com

Duração: 00h04min24s
ZIP: para baixar o podcast zipado, clique aqui.

QUER TER SEU TEXTO “ADERIVADO”?
Envie sua epístola para: aderiva@nobarquinho.com

QUER ADICIONAR O FEED NO SEU AGREGADOR RSS?
Adicione nosso feed: aderiva.nobarquinho.com

ASSINE O NO BARQUINHO NO ITUNES
https://itunes.apple.com/br/podcast/podcast-a-deriva/

  • Silvana Oliveira E Silva

    Muito lindo. Emocionante….

  • Muito bom. Poucos entendem o que é valorizar um presente. Ótimo texto 🙂

    Abraço
    EddieTheDrummer (PADD)