#NB36 – Brinquedos da nossa infância

No Barquinho abril 30, 2013 28

Fala, discípulo!

Pedro, Thiago e Matheus, diretamente do Mar da Galileia, se reunem mais uma vez No Barquinho para falar sobre os melhores brinquedos da infância. E para esse papo nostálgico e engraçadíssimo, os marujos contam com a presença da colunista Jaqueline Lima e do vitrinista Daniel Sas.

Em mais esse episódio do podcast No Barquinho descubra quem coleciona brinquedos até hoje, a frustração de ter uma infância feminina, costumes estranhos de criança, e muito mais!

Tempo:  83min

Link comentado nas epístolas:

Links comentados no episódio:

Você também pode participar dessa discussão! É só entrar em contato com a gente!

Email: podcast@nobarquinho.com
Twitter: nobarquinho.com/twitter
Facebook: nobarquinho.com/facebook
Google+: nobarquinho.com/g+
Instagram: nobarquinho.com/instagram

Siga também os marujos no Twitter: @PedroAngella@thiagoibrahim e @matheusmsoares

Assine o nosso feed e receba as atualizações num leitor de RSS / aplicativo para smartphone:
http://feed.nobarquinho.com

Para assinar direto pelo iTunes:
http://itunes.apple.com/br/podcast/no-barquinho/id490144590

Você também pode escutar os podcasts através dos agregadores de podcast! Acesse:
Youtuner:  youtuner.co/channel/nobarquinho.com
Podflix: podflix.com.br/beta/nobarquinho

Para ouvir o podcast no PC clique num dos players abaixo ou faça o download do arquivo para ouvir em seu aparelho mp3/mp4 (Para fazer download clique com o botão direito do mouse em “Download” e “Salvar link como”).

Se preferir, faça o download da versão zipada AQUI.

  • Ramon Gomes

    Será que fui o primeiro?

  • Lourival Neves

    Baixando!!Depois eu volto!

  • Lourival Neves

    Minhas Brincadeiras:
    roladeira,Carrinho de rolimã:
    Os papéis das carteiras de cigarro:
    viravam dinheiro na imaginação das crianças do meu tempo.kkkk

  • Também congelava bonecos.
    Tinha umas miniaturas dos cavaleiros do zodiaco onde o boneco tinha o tamanho de uma embalagem do tictac certinho.

    O efeito do pó de diamanete do Hyoga não era na velocidade da luz, mas demorava horas. O congelador de casa era bem fraco.

  • legal o tema brincava de diversos bonecos ,algumas vezes reaproveitava o roteiro de uma brincadeira na outra ,e fazia meus proprios remakes hehe ,mas agora vou ouvir o programa!

  • Brincadeira de criança ,como é bom ,como é bom […]

    pessoal desculpa a falta de vergonha no mouse ,mas saiu a segunda edição Podcast O Herege do Que Heresia (http://queheresia.blogspot.com.br/2013/04/o-herege-2-fala-que-eu-te-indico.html) ,quem puder escultar de seu feedback lá no site , e/ou ouvir o primeiro programa

    […]Paz e Amor e esperança ,bom é ser feliz com Molejão !

  • Lourival Neves

    Também tive o Boneco do jaspion,jiraya.,jiban black comer raide e a Moto dele,Tartarugas Ninja.Na realidade tudo que aperecia na minha frente virava brinquedo..kkkkÓtimo Pod!!!

  • Ramon Gomes

    Podcast show de bola,

    Relembrei bastante dos meus antigos brinquedos. Foi nostalgico. Lembrei de alguns que não foram citados no pod, como : bonecos do cavaleiros do zodiaco e guliver. O

    O Lego foi um dos melhores brinquedos que ja tive. Talvez, seja por montar e desmontar peças que descidi ir para o área da engenharia.

    • Eu vacilei! Ia falar dos bonecos dos Cavaleiros do Zodíaco!

      • Ramon Gomes

        Seja melhor kkk

      • Jaqueline Lima

        Depois que me liguei que a gente nem comentou disso. Faltou Cavaleiros mesmo (eu detestava, mas né, vcs deviam ter todos rs).

  • Lourival Neves

    Eu também tive o power Rangers branco,aquele que tinha uma armadura e a espada.kkk

  • Tattinha Carneiro

    Thiago, superentendo seu problema com o vai e vem! Além de mais baixa que o padrão para a minha idade, sempre fui a mais nova da turma…
    E só uma correção: a cor “terminária” certamente é a chamada “cor de sujeira”, algo entre o cinza e o marrom.
    Jaqueline! Também tive a Barbie grávida =)
    Ninguém que eu conheço teve e cheguei a considerar que fui a única a comprar =P
    Enfim, não sei vc, mas eu usei a barriga dela para engravidar todas as outras!
    Aliás, perdoem meu momento menininha meninos, mas brinquei muito de Barbie! E eu amava! Eu e minha vizinha bricávamos todos os dias e tinha até uma historinha que seguíamos como se fosse uma Soap Opera, e sim, tinha muito mais sentido que a história da Glória Perez. Infelizmente não posso entrar em detalhes pois é imprópria para o site!

    Ah! Nunca tive Legos!

    • Tattinha Carneiro

      ainda em tempo: onde eu morava não tinha o vendedor de quebra-queixo, nem o de almoço, menos ainda o anunciador de defuntos (?!), mas tinha o saudoso vendedor de Bolinhos de Bacia *.* o precursor brazuca dos cupcakes.

      • Jaqueline Lima

        HAHA muito bom Tattinha.
        Eu não usei a barriga falsa pra engravidar outras bárbies até mesmo porque, eu a perdi em pouco tempo! haha

        Minha memória é péssima então eu não me lembro mais das histórias que inventava pras minhas brincadeiras de boneca, rs.

        E cara, bolinhos de bacia devem ser MUITO melhores que quebra-queixo! rs

  • Bryan Nickson

    Como eu brincava de fazer brinquedos de pregador de roupas. Eram naves, robôs, armas, animais. Até hoje eu me pego fazendo as naves enquanto vou estender a roupa.
    Sobre o caso da Jaqueline Lima e o brinquedo de fazer pipoca que utiliza uma lampada comum. Essas lampadas (de fio de Tungstênio) tem uma eficiência de converter energia elétrica para luz visível de apenas 5%, os outros 95% da energia são desperdiçados como calor e algumas demais coisas. Pelo fato do desperdício em calor ser tão grande, a Jaqueline Lima podia saborear uma pipoca.
    A titulo de curiosidade, as lampadas fluorecentes tem eficiência de 30% e já a lampas de LED com eficiência de 80%. É ressaltar também que para as lâmpadas, quanto maior a eficiência maior o tempo de vida delas.

    • Jaqueline Lima

      Obrigada pelas aulas sobre lâmpadas e sua eficiência Bryan! HAHA

  • David Rodrigues

    Paz!!!
    Muito bom o post, me identifiquei com o Thiago “infância Pentecostal”.

  • Steh

    Curti muito esse podcast, do início ao fim! Ri muito também com todas as piadas do Sás e Thiago durante o pod! rsrsrsrs
    A presença da Jaqueline também foi ótima, finalmente uma voz feminina ecoando neste barquinho!
    Tbm tive a Barbie grávida…muito comédia mesmo; e com realmente, demorava quase 1 hora pra arrumar tudo, montar a casinha dela e tudo e a brincadeira em si durava poucos minutos.
    E como não relembrar mesmo das gravações na casa do Pedro, durante as células. hehehe Era um protótipo de Podcast ….rsrsrsr e como a gente se divertia! Todo mundo queria ir na célula pra poder brincar de gravar coisas….
    E no dia do filme do Exorcista que o Pedro comentou… rsrsrsrsrsrsrs deu o que falar mesmo porque muita gente ficou sem dormir de medo depois.
    Mas de brinquedos que marcaram minha infância, destacaria: pula macaco, baralho do mico, super trunfo, pega vareta, bonecas geral; no computador the sims, roller coaster (construir parques de diversão).
    Acho sim que a nossa infância foi melhor do que a de hoje, analisando sob a minha ótica, afinal brinquei muito, pude imaginar muitas histórias, interagir e me divertir com o que era possível (mesmo que hj ainda tenhamos “revoltas” por não termos ganhado exatamente o brinquedo que desejávamos…rs)
    Acho q é isso. Parabéns mais uma vez e vida longa ao No Barquinho!

    • Jaqueline Lima

      MANO, baralho do mico ♥
      Minha memória é muito ruim mesmo! Como não me lembrei dele!?
      Também adorava Supertrunfo, mas eu já era mais velha rs

      • Steh

        Amava baralho do mico… brinquei até as cartas ficarem detonadas! rs

    • Hihihi! Também ganhei muita grana no Rollercoaster!!! E matei muitos visitantes também (sic)! Brigadão Steh!

      • Steh

        hehehe nem me fale… visitantes passando mal pelo parque todo…não havia banheiro que suportasse…rsrs Relembrar é viver, né Sas….rs

    • Tattinha Carneiro

      Acho que sou um caso raro de criança que não teve desilusão com presentes… Não era de pedir muito, menos ainda coisas que estavam além das nossas condições. Acho que os brinquedos mais caros que já pedi foram um patins e uma boneca que falava.

  • heheh.
    Legal reviver esses momentos!

    Brinquei muito com ferrorama!!!!

    Em algum momento foi falado desse boneco aqui do He-Man

    http://images01.olx.com.br/ui/8/35/80/1365632343_461173580_1-Fotos-de–Bonecos-antigos-serie-he-man.jpg

  • Luciene

    Muito engraçado o pod, muito embora eu seja da época em que ainda não existia o kinder ovo. Max Steel era brinquedo do meu filho. Nos jurássicos tempos de minha infância me lembro que adorava uma bonequinha chamada fofolete, que agora resolveram relançar com cara de vampira piriguete… Só pra registrar tenho 37 anos e pertenço à ala idosa do ‘No Barquinho’. Adorei a participação da Jaqueline. Queremos mais meninas no pod, pessoal. bjs pro Matheus.

  • Pingback: No Barquinho #052 - Top 3()